sábado, 7 de março de 2015

PCdoB: Marcharemos pela constitucionalidade e contra o golpe - Portal Vermelho

PCdoB: Marcharemos pela constitucionalidade e contra o golpe - Portal Vermelho

Neste domingo (8), Dia Internacional da Mulher, o Brasil se veste de rosa para defender os direitos das mulheres, o avanço do Brasil, a defesa do governo Dilma e da Petrobras e a realização de uma reforma política ampla e democrática.

Joanne Mota, da Rádio Vermelho



Foto: UJS
.
Em entrevista àRádio Vermelho, Liège Rocha, secretária nacional da Mulher do PCdoB, fala o que está em jogo na disputa política e avisa que as mulheres estão prontas para marchar contra o golpismo e o conservadorismo que povoa a atual conjuntura.

"Sabemos o que está em jogo, sabemos o que conquistamos e sabemos quem é o nosso inimigo. As mulheres organizadas lutam, neste 8 de Março, para a garantia dos direitos conquistados com Lula e Dilma, mas também pelo avanço desses direitos e do Brasil. Sobretudo no que se refere à ampliação da participação da mulher nos espaços de poder e de decisão. neste 8 de março defenderemos uma basta na sub-representação", avisou a dirigente nacional.

Ao falar sobre o golpismo da mídia conservadora e esclarecer os avanços alcançados desde 2003, Liège Rocha enumerou o que está em jogo na atual e acirrada disputa política. "Os programas sociais e as políticas públicas desenvolvidas durante os governos de Lula e Dilma que beneficiaram a vida do povo brasileiro e equipararam a presença da mulher da sociedade, é contra isso que a onda de direita luta. Não nos calaremos. Não descansaremos. Repito: NENHUM DIREITO A MENOS.

Ela reconheceu que é preciso avançar ainda mais, no entanto, lembrou que "não será com prpjeto defendido pela direita, que sempre abandonou o povo e as mulheres, que esses direitos serão alcançados. O governo Dilma é o espaço onde poderemos disputar cada conquista".


Acompanhe o especial da Rádio Vermelho:



Ouça íntegra na Rádio Vermelho