segunda-feira, 26 de março de 2012

Grito de Alerta: Centrais abrem calendário de mobilizações contra desindustrialização

Grito de Alerta: Centrais abrem calendário de mobilizações contra desindustrialização

grito_alertaUma marcha entre o Largo Glênio Peres e a Praça da Matriz, em Porto Alegre, na tarde da próxima segunda-feira (26), vai abrir oficialmente o calendário nacional de atividades contra a desindustrialização, construído pelo Fórum das Centrais Sindicais através do Pacto pelo Desenvolvimento com geração de emprego e renda.
O ato, que prevê a participação de milhares de pessoas, é fruto do movimento intitulado “Grito de Alerta em Defesa da Produção e do Emprego”, que além das centrais reúne entidades representantes da indústria.
A mobilização acontece em mais três estados, Santa Catarina (28 de março), Paraná (3 de abril) e São Paulo (4 de abril), antes de um grande ato em Brasília, no dia 10 de maio.
Concorrência desleal
Desde o início do ano representantes das centrais sindicais e entidades empresariais, lideradas pela Abimaq, têm feito uma série de reuniões para organizar a mobilização e a pauta de reivindicações. A proposta é fazer uma grande mobilização para mostrar ao governo e à sociedade os efeitos negativos da falta de competitividade imposta à indústria brasileira no próprio mercado interno.
grito_de_alerta_centrais_parana_2012
No Paraná, dirigentes definem atividades
Para o presidente da CTB, Wagner Gomes, a partir do momento em que trabalhadores e empresários estiverem nas ruas, haverá um cenário muito claro diante de toda a sociedade. “De um lado teremos o setor produtivo; do outro estarão os especuladores. Para que lado o governo irá?”, questionou o dirigente. “O governo e a sociedade precisam se dar conta do que está acontecendo”, afirmou Gomes.
Empresários e sindicalistas estão preocupados com a perda de participação da indústria no PIB brasileiro no ano passado e o crescimento das importações de produtos acabados ao passo que as commodities ganham peso na balança comercial.
Em Porto Alegre, uma comissão de empresários e líderes sindicais tem audiências marcadas na Assembleia Legislativa e no Palácio Piratini na mesma tarde de segunda-feira, para tentar conquistar o apoio das autoridades locais.
Confira o calendário de atividades:
Dia 26/03 - Porto Alegre  - Largo Glênio Peres

Dia 28/03 - Santa Catarina - Florianópolis - Praça Tancredo Neves

Dia 03/04 - Paraná - Curitiba - em frente à fabrica da Bosh

Dia 04/04 - São Paulo - Assembleia Legislativa - Av. Pedro Álvares Cabral, 201. São Paulo - SP

Dia 10/05 - Ato Nacional em Brasília
Portal CTB