quinta-feira, 26 de julho de 2012

CTB participa de lançamento do comitê e campanha "Brasil está com Chávez"

CTB participa de lançamento do comitê e campanha "Brasil está com Chávez"

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) participou, na noite da última terça-feira (24), do lançamento do "Comitê Brasil está com Chávez", que contou com a presença de diversas entidades e partidos políticos, em São Paulo, no ato celebrado como o Dia de Solidariedade à Revolução Bolivariana.

A capital paulista, ao lado de 100 cidades em todo o mundo, expressou seu respaldo ao processo que está sendo conduzido na Venezuela pelo presidente Hugo Chávez, que concorre a reeleição em outubro.



No ato de lançamento do comitê foi ressaltada a importância que a reeleição de Chávez tem não só para o povo Venezuelano e para o país, mas para toda a América Latina. A frase de Lula “Chávez, sua vitória será nossa vitória”, — enviada em um vídeo no encerramento do Fórum de São Paulo no começo do mês— também foi lembrada reiteradas vezes.

“A formação do comitê em prol do presidente Hugo Chávez é fundamental, como apoio as eleições venezuelanas para que tudo ocorra bem. A base de apoio construído pelos movimentos sociais espalhados pelo mundo irá fortalecer para que Chávez possa governar a Venezuela com soberania e liberdade”, destacou Gilda Almeida, secretária adjunta das Finanças da CTB.



Já João Pedro Stédile, integrante da direção nacional do MST, destacou a importância estratégica da Venezuela. “Nesses meses estamos conscientes das forças de direita que retomaram a ofensiva para tentar frear os avanços que o continente está vivendo seja, com governos progressistas, seja com iniciativas multilaterais de integração como a Celac [Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos], Unasul [União das Nações Sul-Americanas], Alba [Aliaça Bolivariana para os Povos da Nossa América]. A eleição na Venezuela, mais do que a necessária reeleição de Chávez é o centro da disputa do poder em nosso continente, por isso o império vai centrar forças para derrubar esse processo”, ressaltou.

Resoluções

Entre as resoluções tomadas pelo Comitê Brasil Está com Chávez, que será sediado na Barão de Itararé, estão a realização de um ato e uma nova reunião em Brasília no dia 31 de julho. Também será estimulada a criação de novos comitês, sobretudo no Rio de Janeiro e em Brasília.

As entidades discutem a construção de um ato político-cultural da campanha no final de agosto em São Paulo e prometem fazer um esculacho se o candidato Henrique Capriles, da oposição de Chávez, visitar o Brasil.

Estiveram presentes no evento: PCdoB, PT, PSOL, PSUV, Movimento Consulta Popular, CUT, CTB, UBM, UJS, MST, Tirem as Mãos da Venezuela, Japayke, Cebrapaz, Levante Popular da Juventude, Barão de Itararé, Portal Vermelho, Fórum de São Paulo, Fepal, Brasil de Fato, Telesur, Via Campesina, Consulado da Venezuela em São Paulo.

Portal CTB com Portal Vermelho e MST (fotos: Douglas Mansur)