quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Conferências municipais e estaduais antecedem a 2ª Conferência Nacional de Juventude

Conferências municipais e estaduais antecedem a 2ª Conferência Nacional de Juventude

2_conf_juvA juventude brasileira vivenciou, nos últimos anos, uma série de conquistas, incluindo a criação da Secretaria Nacional de Juventude e do Conselho Nacional de Juventude e a execução de programas como o Projovem e ProUni, e de políticas universais nas mais diversas áreas.

O tema avançou de maneira significativa com a criação dos conselhos e órgãos específicos de juventude nos municípios e estados brasileiros e com a aprovação da Emenda Constitucional 65, que inseriu o termo “jovem” no capítulo dos Direitos e Garantias Fundamentais da Constituição Federal.

Um marco importante desse processo foi a realização da 1ª Conferência Nacional de Juventude, em 2008, com o lema: Levante Sua Bandeira, que mobilizou mais de 400 mil pessoas em todo o país e aprovou um conjunto de 70 resoluções e 22 prioridades que devem nortear as ações para a juventude em nível federal, estadual e municipal. A Conferência estimulou a discussão da temática juvenil por parlamentares, prefeitos, secretários e governadores, entre outros agentes públicos.

Agora, a juventude precisa afirmar ainda mais o seu direito de participar como sujeito estratégico do projeto de desenvolvimento nacional, deliberando, entre outras prioridades, a necessidade de avanços no Marco Legal da Juventude, com a aprovação do Plano Nacional e do Estatuto da Juventude, em tramitação no Congresso Nacional. É fundamental que uma nova conferência defina quais são os direitos da juventude, as políticas e programas prioritários para garanti-los, além de apontar mecanismos de participação, assegurando o envolvimento do maior número possível de jovens brasileiros, respeitando sua pluralidade e incluindo as comunidades tradicionais.

Em visita a sede nacional da CTB, Ângela Guimarães, Secretária Adjunta da Secretaria Nacional de Juventude e coordenadora da 2ª Conferência Nacional da Juventude, declarou que espera que todas as centrais estaduais da CTB, estejam envolvidas na elaboração dos calendários municipais e estaduais dos encontros e conferências da juventude.

Ângela ainda completou: “Estamos nos preparando para a 2ª Conferência Nacional de Juventude, que acontece entre os dias 9 e 12 de dezembro de 2011, em um cenário repleto de novos desafios”.

A próxima Conferência será norteada por três temas principais: Juventude - Democracia, Participação e Desenvolvimento Nacional; Plano Nacional de Juventude: prioridades 2011-2015; e Articulação e Integração das Políticas Públicas de Juventude.

Secretaria da Juventude Trabalhadora da CTB