quarta-feira, 30 de julho de 2014

Dirigente da CTB recebe título de cidadão de Salvador - Portal CTB

Dirigente da CTB recebe título de cidadão de Salvador

 
 30 Julho 2014
batista1
“Batista, guerreiro do povo brasileiro”. Foi com esta saudação, que o dirigente nacional da CTB, João Batista Lemos, foi recepcionado no plenário da Câmara de Municipal de Salvador, na noite desta terça-feira (29), onde recebeu o título de cidadão soteropolitano. A homenagem, de iniciativa do vereador Everaldo Augusto (PCdoB), atendeu a um anseio do movimento sindical classista na Bahia, que recebeu grande colaboração de Batista para o seu fortalecimento.

A relevância da contribuição de Batista foi tema da fala de todos os oradores do evento, que ressaltaram a influência positiva e a sensatez das intervenções do sindicalista em momentos importantes da luta dos trabalhadores baianos. “Nós estamos aqui homenageando um operário, que mesmo em difíceis condições se arriscou para defender os interesses da classe operária. Batista não se abateu com as ameaças e perseguições da ditadura militar, persistindo na luta. Ele é um dos quadros mais destacados do movimento sindical do Brasil”, afirmou o vereador Everaldo Augusto.

O presidente nacional da CTB, Adilson Araújo, também destacou a importância da atuação do homenageado. “Batista é um homem imprescindível, seja pelo caráter e personalidade ou pelo papel que exerce junto ao movimento operário deste país. Ele é do tempo em que os dirigentes sindicais eram fichados e perseguidos. Passou por etapas importantes da luta dos trabalhadores e foi fundamental na construção da CTB, que hoje tem 1.121 sindicatos filiados e atua como protagonista no movimento sindical brasileiro. Batista sempre fez crer que poderíamos dar um passo a diante na luta pela construção de um mundo novo e melhor. Esta é uma justa homenagem”.

“Eu me sinto muito honrado com esta homenagem. Quando olhei para o plenário e a mesa, passou um filme na minha cabeça e lembrei de muitas lutas aqui no estado, com lideranças que estão aqui e outras que já se foram, como Washington de Souza, Paulo Colombiano e Wilson Furtado. Eu sempre me inspirei na atuação do movimento sindical da Bahia. Quando queria saber para onde a gente estava caminhando, eu vinha aqui primeiro. Por isso, me sinto mais honrado com este título”, agradeceu Batista Lemos.

Batista afirmou ainda que a homenagem revigorou suas forças para continuar lutando para tornar o Brasil uma nação socialista. ”Nesta luta tem muita adversidade. Então, quando a gente é homenageado, revigora as forças. Ainda mais aqui na Bahia, que foi vanguarda na construção na construção da Corrente Sindical Classista, na criação da CTB”.

Ascom CTB Bahia